SEJA BENVINDO

Minha foto
Campinas, SP, Brazil
Sou servo do Senhor desde 2001, obreiro formado no Instituto Teológico Quadrangular, professor da Escola Bíblica, casado com Elisangela a 21 anos , pai de 2 filhos maravilhosos, sirvo a Deus na Igreja do Evangelho Quadrangular .Busco cada dia ter um relacionamento maior com Senhor e conhecer a sua vontade e levar esse conhecimento a outros.Desejo que as bençãos do Senhor venham ser transbordantes sobre a sua vida, sobre sua casa , sobre sua família, sobre o seu ministério, querido(a) e amado(a) irmão(ã) em Cristo Jesus.

DEVOCIONAL PARA HOJE

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Deus é a nossa porção!

 

Deus é a nossa porção!


"Disse também o Senhor a Arão: Na sua terra herança nenhuma terás, e no meio deles nenhuma porção terás; eu sou a tua porção e a tua herança entre os filhos de Israel." (Números 18: 20)


O texto acima fala sobre a tribo de Levi, os levitas, que foram excluídos da divisão feita pelo Senhor Deus quando esses assumiram o controle da terra que havia sido prometida por Deus a Abraão, a Isaque, a Israel (Jacó) e a Moisés para que o seu povo tivesse uma residência fixa, mas, porque será que a tribo de Levi foi excluída? A exclusão foi feita pelo fato de Deus ter escolhido essa tribo para cuidar das coisas dEle aqui na terra, ou seja, os descendentes de Levi, filho de Israel (Jacó) seriam os responsáveis pelo que hoje chamamos de igreja, eram eles que entoavam cânticos de adoração, eram eles que sacrificavam ofertas para a remissão do pecado do povo, eram eles que tinham um contato mais próximo de Deus, etc. E por isso não poderiam ter mais nada além da certeza que Deus supriria todas as suas necessidades, em I Timóteo 6: 9 e 10 está escrito: "Mas os que querem tornar-se ricos caem em tentação e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, as quais submergem os homens na ruína e na perdição. Porque o amor ao dinheiro é raiz de todos os males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores." Os sacerdotes não podiam cair no erro, eles eram os que sacrificam a Deus para redimir o erro do povo. Deus estão declara: "...eu sou a tua porção e a tua herança entre os filhos de Israel." Que coisa maravilhosa aconteceu aos descendentes de Arão, irmão de Moisés, eles foram chamados para dependerem exclusivamente de Deus e mais nada, não tinham terra, não tinham bens, não tinham dinheiro, não tinham nada material, mas tinham o principal, tinham o melhor, eles tinham a promessa de Deus de que seriam cuidados pela vontade do Pai.


Deus é maravilhosamente justo e hoje nos dá a condição de vivermos, como viveram os levitas, e o que precisamos fazer para isso acontecer? Apenas o que esta escrito em Mateus 6: 33 "Mas buscai primeiro o Seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas." Meus queridos, não existe nada melhor do que viver dentro da vontade de Deus e com isso ter o cuidado dEle sobre a nossa vida, dinheiro algum poderá nos fazer mais felizes do que quando andamos dentro da vontade de Deus, nenhum bem, por melhor que seja aos olhos humanos, substitui o gozo de saber que: "E sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito." (Romanos 8: 28) Nos dias atuais, a vida, a mídia, a globalização, etc. nos dão a nítida impressão de que não necessitamos mais desses cuidados especiais de Deus, muitos correm em busca de ter cada vez mais dinheiro, de ter um cargo melhor, de ser respeitado pelo que se possui, etc., não que tudo isso esteja errado, acredito que devamos sim buscar o melhor que essa terra tem a nos oferecer, mas, tomando um cuidado dobrado pois a Bíblia declara em I João 5: 19 que "...e que o mundo inteiro jaz no Maligno." Devemos ter um enorme cuidado de não colocar o dinheiro acima de todas as coisas, ter dinheiro não é pecado, mas amar o dinheiro acima de Deus é, se não fosse Jesus Cristo não teria nos alertado, "Não ajunteis para vós tesouros na terra; onde a traça e a ferrugem os consomem, e onde os ladrões minam e roubam; mas ajuntai para vós tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem os consumem, e onde os ladrões não minam nem roubam. Porque onde estiver o teu tesouro, aí estará também o teu coração." (Mateus 6: 19 a 21) Deus quer que vivamos na dependência dEle, Jesus nos disse: "Portanto, orai vós deste modo: Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o Teu nome, venha o Teu reino, seja feita a Tua vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dá hoje." (Mateus 6: 9 a 11) Quando aceitamos ser cuidados por Deus, Ele nos surpreenderá nos abençoando muito além do que imaginamos, podemos ter a certeza que o Senhor sabe do que precisamos e sabe melhor que nos mesmos.


Não é pecado buscar ter bens nessa terra, mas não se esqueça que todas as coisas foram feitas por Deus para a glória de Deus, antes de querer ter as coisas, queira ter Aquele que criou todas as coisas, a única coisa que Deus não criou foi à mentira, e muitas coisas criadas por Deus foram deturpadas por aquele que criou a mentira, e quem criou a mentira? A Bíblia responde: "Vós tendes por pai o Diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai; ele é homicida desde o princípio, e nunca se firmou na verdade, porque nele não há verdade; quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio; porque é mentiroso, e pai da mentira." (João 8: 44) Fora isso as coisas nos são licitas e podemos busca-las, só não se deixe enganar, se o seu trabalho esta atrapalhando a sua comunhão com Deus, algo esta errado, se você pensa mais em ganhar dinheiro do que ajudar os necessitados, algo esta errado, se a sua família tem sido negligenciada devido a sua falta de tempo, algo esta errado, etc. 
Esta escrito em Mateus 10: 8 "...de graça recebestes, de graça dai." O que dizer daqueles que se dizem inspirados por Deus e que tem cobrado cachês para ministrar a Palavra de Deus, louvar a Deus, etc., também na Palavra de Deus encontramos: "...pois digno é o trabalhador do seu salário..." (Lucas 10: 7) Temos aqui duas situações fáceis de serem entendidas, mas que em nossos dias tem sido confundidas, levando a Palavra de Deus a sério ninguém tem o direito de cobrar por aquilo que diz ter sido dado e inspirado por Deus, seja uma ministração, oração, música, etc., mas as igrejas e os pastores também precisam saber que se alguém dispõe seu tempo em pregar, louvar, etc., em sua igreja é justo esse alguém receber uma boa oferta por isso. Hoje vemos homens e mulheres de Deus cobrando cachês devido a outros homens e mulheres de Deus não entenderem que devemos semear, ofertar na vida daquele que trabalha em prol de ver o Reino de Deus ser propagado e por conseqüência dessa grande confusão, muitas pessoas, que de "homens e mulheres de Deus" não tem nada, se aproveitam da situação, se apenas lembrarmos que Deus é a nossa porção deixaremos Ele conduzir as nossas vidas e ministérios como Ele fazia no passado com os levitas.


Coloque os seus joelhos no chão e busque ao Senhor em oração, pergunte a Ele o que não O esta agradando e de a liberdade dEle tirar essas coisas da sua vida, não se preocupe com as conseqüências pois Ele nos promete bênçãos sem medidas se apenas o colocarmos em primeiro lugar na nossa vida.


Tudo isso aqui escrito é para divulgar a Palavra do nosso Deus e levar a vontade dEle ao maior número de pessoas possível, que Deus através destas palavras possa mostrar a quem lê, a Sua boa, agradável e perfeita vontade, tudo isso em nome do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.



Para Refletir;


  "Quem ama o dinheiro não se fartará de dinheiro; nem o que ama a riqueza se fartará do ganho; também isso é vaidade. ...E quanto ao homem a quem Deus deu riquezas e bens, e poder para desfrutá-los, receber o seu quinhão, e se regozijar no seu trabalho, isso é dom de Deus." (Eclesiastes 5: 10 e 19)


"Cuidado! Não andem sempre querendo o que vocês não têm. Porque o valor da vida que alguém tem não depende da quantidade de bens que possui." (Bíblia Viva - Lucas 12: 15)
,


Frank Medina, pastor e discípulo de Jesus Cristo

Nenhum comentário:

Postar um comentário